Montar uma padaria é algo que pode trazer bons resultados, retorno de investimento e um senso de dever social muito grande – afinal, todos nós precisamos de uma padaria, não é mesmo?

De fato: de manhã, de tarde, de noite… Sempre estamos aptos para consumir os produtos de uma padaria!

Com isso, buscando sanar as principais dúvidas sobre o processo de como montar uma padaria, fizemos um passo a passo ideal para que você não tenha dúvidas na hora de montar a sua. E, além disso, você poderá ter todo o cuidado necessário para que ela perdure bem nos seus primeiros meses de funcionamento.

Confira: Passo a passo de como montar uma padaria:

1 – Modelo da Padaria

O primeiro fator a se considerar, para montar uma padaria, é saber como você quer que ela seja. De outro modo, em outras palavras, qual é o modelo que você está buscando?

Existem vários modelos para padarias. Evidentemente, dentre estes modelos, os mais comuns para padarias são:

• Tradicional ou artesanal;
• Gourmet ou Boutique;
• Convencional;
• Industrial.

A padaria tradicional ou artesanal são as padarias mais comuns. Também é conhecida como mini-padaria. É o local onde se faz e vende o pão.
Normalmente a padaria tradicional não é muito grande. O local pode até oferecer alguns produtos variados, mas, quando se pensa em ‘pão’, este é o primeiro local em que as pessoas irão buscar.

Por outro lado, a padaria gourmet (ou boutique) é um local mais completo onde se encontra, além dos pães, frios e laticínios, uma variedade muito grande de produtos. Também é possível sentar-se em pequenas mesas para um café da manhã, um encontro com alguém e até mesmo assistir jogos da copa do mundo com familiares e amigos.

Já a padaria convencional é aquela padaria que se encontra em mercados, postos combustíveis e outros locais de rápido e fácil acesso. Ela existe, portanto, por mera convenção.

Por fim, a padaria industrial funciona como uma grande fornecedora de pães. Pois é nela onde, geralmente, se comparado com outras padarias, está a maior massa produtiva de pães.

Esses são os principais modelos de padaria. Escolher um, e seguir seu modelo de mercado, é fundamental para você montar uma padaria de maneira eficiente.

2 – Público Alvo

Em todo e qualquer negócio a definição de público alvo é super importante. Com isso, você poderá melhorar e aperfeiçoar, cada vez mais,seus produtos e serviços.

Duas formas básicas de você criar seu público alvo, definindo informações importantes, seria por meio da criação de um público alvo (algo mais abrangente) ou então no desenvolvimento de uma persona.

Você terá então duas formas básicas para conhecer o seu cliente:

• Público Alvo;
• Persona.

Público Alvo: Na definição de um público alvo você irá considerar todas as características principais, de um determinado grupo de pessoas, em que deseja conquistar (Ex.: Adultos, entre 30-60 anos, que trabalham e acordam cedo e desejam tomar café toda a manhã antes do serviço).

Persona: Já a persona, por sua vez, é uma pessoa fictícia criada justamente para representar, de maneira mais objetiva, o seu cliente (Ex.: José, 39 anos, trabalha às 07h todos os dias e deseja ter boa alimentação matutina para tomar encarar seus dias de trabalho).

Dessa forma, será muito mais fácil de agradar o seu cliente e conquistar novos consumidores para a sua padaria.

3 – Ótima localização

Evidentemente a localização é um fator muito importante. Principalmente locais em que possam ter:

• Bom poder aquisitivo;
• Quantidade alta de imóveis no bairro;
• Número baixo de padarias vizinhas;
• Padrão dos produtos na região;

Em geral: quanto maior o fluxo de pessoas, melhor. De fato, o local é algo que pesa muito. Como montar uma padaria não faria tanto sentido se estivesse tudo bem feito e, ainda assim, o local fosse mal escolhido. Portanto, não perca a oportunidade caso tenha um bom local à vista.

Dica: Não se esqueça da estética e da combinação das cores no local, isso faz toda a diferença. Uma padaria mais bonita com tons de cores que realmente chamem a atenção é um diferencial que você terá em relação àqueles que consideram o conforto e a atração do local um desperdício.

4 – Produtos e serviços

De fato, para montar uma padaria é necessário conhecer bem os produtos e serviços que você poderá disponibilizar. Uma padaria não é só feita de pães. Assim, quanto maior for o número de produtos e serviços que você oferecer, maiores serão as probabilidades de vendas.

Os principais itens produzidos por uma padaria são:

• Roscas e pães;
• Biscoitos;
• Bolachas;
• Salgados;
• Doces;
• Pizzas;
• Bolos e tortas.

Portanto, não deixe de considerar tudo aquilo que mais pode agradar os seus clientes. Com isso, você poderá ir crescendo na quantidade e qualidade de suas ofertas.

5 – Equipamentos necessários e distribuição

Móveis e Equipamentos para áreas de produção e exposição de produtos:

Segundo a SEBRAE, os principais itens para quem deseja saber como montar uma padaria são:

Amassadeira; Balança Digital; Mesa de Inox; Modeladora; Divisora de Colunas; Batedeira Profissional; Fôrmas; Fornos; Câmara de Crescimento; Cilindro; Armário e esteiras; Resfriador; Balcões; Balcões Refrigeradores; Fatiadeira; Máquina para cortar frios; Geladeira; Freezers Verticais; ECF;

Mobiliário básico para a área administrativa:

• Microcomputador completo – 1;
• Impressora – 1;
• Telefone – 2;
• Mesas – 2;
• Cadeiras -2;
• Armário para o escritório – 1;

Além disso, considere também o veículo para transporte e um software.

6 – Equipe e qualificação

Uma equipe boa e qualificada pode – e faz – toda a diferença. Não se esqueça, portanto, de sempre buscar ótimos profissionais que se empenhem, e deem resultados, nas seguintes áreas:

OBS.: Uma padaria de pequeno porte pode começar com sete empregados, sendo:

• Padeiros (2) – Que devem conhecer produtos e a tecnologia. Ainda, saber de nutrição será um grande diferencial;
• Ajudante de padeiro (1) – Para auxiliar, portanto, os dois padeiros;
• Atendentes de balcão (2) – Que conheçam, tanto os produtos, quanto toda a empresa;
• Caixas (2) – Além das qualidades esperadas por um caixa, deve, evidentemente, conhecer os direitos do consumidor.

Invista na capacitação tanto sua quanto de sua equipe. O dono de uma padaria deve estar sempre atualizado sobre novas tendências e, além disso, saber fazer a gestão de sua equipe.

7 – Marketing para divulgação

De fato, o marketing é uma das partes mais importantes. Assim, não deixe de lado na hora de buscar novos clientes, divulgação e, ainda, mais autoridade com sua marca. Se antigamente era algo mais caro e de pouco acesso, hoje, por outro lado, graças a Internet, ficou muito mais fácil de se fazer Marketing.

Use as redes sociais. Certamente é o melhor jeito de começar.

Valor do investimento

Em média, todo o custo do investimento estaria no valor de R$200 mil. O que não quer dizer que você não consiga investir menos ou mais. Tudo dependerá, portanto, do quanto você está disposto a investir.

Esse valor (200 mil) será o suficiente para montar uma padaria e manter, ao menos, os primeiros meses de funcionamento. Isso, é claro, até você ganhar o retorno que poderá, dependendo de sua estratégia, ser o mais rápido possível.

Abaixo você tem uma lista dos custos mensais para montar sua padaria. Tais como:

• Água, luz, telefone, internet;
• Salários, comissões e encargos;
• Taxas, contribuições, impostos e despesas afins;
• Transporte;
• Refeições;
• Seguros;
• Assessoria contábil;
• Segurança;
• Limpeza, higiene e manutenção;

Créditos da imagem:
unsplash-logoYeh Xintong

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.