O que muda no controle de estoque em época de pandemia? Com a chegada da pandemia as empresas como um todo sofreram um grande impacto, seja pela forte queda nas vendas e nas receitas ou então pela mudança nos hábitos de consumo da população.

Enquanto alguns estabelecimentos se viam obrigados a suspender suas atividades, outros começavam a vender pela internet e viam o delivery pela primeira vez, enquanto muitos precisavam adaptar seus estoques para enfrentar o momento de turbulência.

Farmácias e supermercados por exemplo, viram a venda de produtos não essenciais cair, enquanto que outros produtos considerados de primeira necessidade no atual momento, disparavam em vendas, como é o caso do álcool em gel, por exemplo.

Certamente, todas as mudanças provocadas pela pandemia, forçaram os empresários a reinventar seus negócios, refletir e se reorganizar de forma a conseguir manter suas empresas ativas. Aqueles que não conseguiram se reinventar, infelizmente acabaram por encerrar suas atividades empresariais.

No entanto, se o momento é de adaptação e reinvenção, um dos principais pontos que requer cuidados especiais é a gestão de estoque. Sendo assim, quais cuidados tomar para que o estoque seja solução e não um problema em meio a crise provocada pela pandemia?

Para ajudar você a adaptar seus estoques ao momento que estamos vivendo e manter total controle sobre esse aspecto de negócios que possui grande importância para a sobrevivência da sua empresa, separamos algumas dicas, não deixe de conferir!

1.Realize um inventário no estoque da empresa

Em tempos de pandemia, nossa primeira dica para gestão de estoque, diz respeito a realização de um inventário. Inventariar os produtos e conhecer a quantidade exata de cada item em estoque é muito importante em qualquer momento e para toda empresa. No entanto, em um momento de pandemia e de recursos escassos esse processo torna-se ainda mais importante, diríamos essencial!

Em um momento de pandemia e restrições na circulação de pessoas, é natural que as vendas caiam significativamente para a grande maioria dos setores econômicos, sendo assim, é fato que não se pode perder dinheiro de forma alguma.

Nesse sentido a realização de um inventário chega para ajudar o empresário, afinal ao inventariar o estoque passamos a ter conhecimento em relação a quantidade exata de cada item em estoque, evitando assim, compras e pedidos a fornecedores de produtos que não sejam realmente necessários.

Para aqueles que trabalham com produtos perecíveis e com data de validade, esse controle torna-se ainda mais importante, pois inegavelmente ele contribui para a redução de prejuízos relacionados a perda do prazo de validade de alguns itens, por exemplo.

2.Defina o estoque mínimo de cada produto

Como todos nós sabemos, estoque é dinheiro! No entanto, dinheiro esse, que está imobilizado e aplicado em produtos e que portanto só se transformará em dinheiro de fato, após a realização de uma venda

Sendo assim, em um momento de escassez não é desejável contar com estoques gigantescos de produtos, é preciso liberar os estoques para gerar caixa, mantendo assim, o maior capital possível disponível para emergências e para que seja possível honrar alguns compromissos importantes, mesmo com redução nas vendas.

Sendo assim, o controle de estoque mínimo passa a ser essencial, uma vez que com ele torna-se possível manter em estoque apenas o que é realmente necessário em termos de quantidade para o atendimento da demanda dos consumidores.

Por falar, em estoque mínimo você sabe como esse indicador é calculado?

Basicamente é preciso conhecer a média de vendas de cada produto em um determinado período, que pode ser de 30 dias, por exemplo. Além disso, também é preciso identificar o tempo que o produto leva para chegar até a sua empresa, após o envio de um pedido para o fornecedor.

Para ficar mais fácil, vamos exemplificar:

Suponhamos que você venda em média 10 itens de determinado produto todos os dias e que sempre que realiza um pedido, o prazo de entrega é de 5 dias. Qual o estoque mínimo do item em questão? Simples, basta aplicar a fórmula abaixo:

Estoque mínimo = consumo médio diário x tempo de reposição

Estoque mínimo = 10 x 5 = 50

Assim, concluímos que ao alcançar 50 unidades em estoque, estamos no momento ideal de realizar um pedido. Pedido esse que pode ser preparado por exemplo, para atender a demanda de 30 dias, ou seja, com cerca de 300 unidades.

Viu só como é importante conhecer o estoque mínimo e o consumo médio de cada produto? Com essas informações em mãos, evitamos comprar demais ou até mesmo antes que seja realmente necessário.

3.Priorize a venda de produtos essenciais

Em tempos de pandemia, alguns produtos costumam sair mais do que outros. Sendo assim, é natural que alguns itens como alimentos, medicamentos e produtos de higiene disparem em vendas.

Como exemplo, podemos citar o álcool em gel e as máscaras descartáveis, produtos com uma imensa demanda, logo no início da pandemia. Portanto, ao observar esse fator, é importante que o empresário consiga se antecipar, priorizando em seus pedidos itens que estão com alto giro no momento, garantindo assim as vendas e o atendimento a demanda dos consumidores.

Em muitos casos, é interessante até mesmo alocar recursos que seriam investidos em outros produtos de menor rotatividade, para aplicar em itens que realmente vão ajudar a empresa a realizar vendas e atravessar o momento difícil.

4.Defina estratégias para girar o estoque

Você realizou um levantamento do seu estoque e identificou que existem alguns produtos com itens de mais em estoque ou com baixa procura?

Então, não perca tempo, defina o quanto antes algumas estratégias para liquidar esse estoque e trazer recursos para o caixa da empresa.

 

  • Crie promoções;
  • Ofereça descontos;
  • Facilite pagamentos;
  • Ofereça entregas gratuitas.

 

Enfim, faça todo o esforço possível para girar o estoque, reduzindo o número de produtos “parados” e também os recursos imobilizados no estoque.

Mantendo boas estratégias e um bom controle de estoque, certamente será mais fácil para a sua empresa vencer essa crise!

Gostou das nossas dicas? Então continue acompanhando o blog da RCKY, temos sempre conteúdos novos por aqui!

Ainda não controla o estoque da sua empresa da forma como deveria? É hora de mudar! Entre em contato conosco e descubra como o sistema da RCKY de gestão empresarial pode ajudar a manter o estoque da sua empresa em dia!

Para falar conosco e saber mais, entre em contato através do número: (11) 3195-3640 ou então, clicando aqui para iniciar uma conversa pelo WhatsApp!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.