Aumente as vendas da sua franquia. A ideia é simples, claro.

Mas como de fato fazer isso? Afinal, todas as empresas querem aumentar o faturamento, mas nem todas conseguem.

Então, por mais que seja algo que toda empresa deveria focar em fazer, o processo não é sempre óbvio, e é ainda mais difícil para empreendedores de primeira viagem.

Pensando em como ajudar os empreendedores, em especial os donos de franquias, hoje a RCKY decidiu descrever os 9 passos para aumentar as vendas da sua franquia. Vamos lá?

Invista em marketing digital

O primeiro passo, é um dos mais importantes: marketing digital.

Hoje em dia, uma das formas mais eficientes de se destacar da concorrência é com propagandas bem-feitas.

A questão é que o marketing digital não se trata apenas de propagandas, existe todo um investimento em imagem e criação de conteúdo, em especial nas redes sociais.

Portanto, para que se aumente as vendas da sua franquia, é muito importante investir em:

  • Perfis oficiais nas principais redes sociais;
  • Criar conteúdo periodicamente para esses perfis;
  • Investir em criação de conteúdo rico para blog e site.

No entanto, vale lembrar que algumas dessas coisas já podem ser feitas pela franqueadora. Por exemplo, talvez o franqueado não possa investir em tráfego pago. Então nesse caso, é preciso analisar bem as condições impostas.

Faça um planejamento

Este segundo passo pode não ser tão simples, mas para que se aumente as vendas de um negócio é preciso ter um planejamento bem desenhado que contemple metas e objetivos.

Quando falamos de uma franquia, no entanto, muitas vezes o próprio franqueador já oferece todo o suporte e uma metodologia própria para fazer os seus franqueados crescerem.

Por isso é muito importante participar dos treinamentos e ficar em contato com a central de atendimento da marca. Entretanto, em outros casos isso pode não ser suficiente.

A verdade é que no dia a dia o empresário terá que lidar com muitos imprevistos, sendo obrigado a tomar decisões mais rápidas e em um contexto não previsto.

Por isso, antes de decidir abrir uma franquia, é muito importante analisar todos os pontos relevantes a respeito do negócio e fazer uma boa pesquisa de mercado.

Com estes dados, será muito mais fácil elaborar uma estratégia de crescimento complementar aquela oferecida pela franqueadora, que pressuponha em especial metas de crescimento.

Motive e treine seus colaboradores

Nenhuma empresa sobrevive sem colaboradores. Por isso mesmo, trabalhar com pessoas motivadas ao seu lado é muito importante. Entretanto, grande parte dessa responsabilidade é sua!

Afinal, existem muitas formas diferentes de motivar os funcionários, como promovendo reuniões estratégicas, estabelecimento de metas e até mesmo melhores condições de trabalho e premiações.

Além disso, é imprescindível apostar em cursos e treinamentos capazes de despertar ou aprimorar as habilidades dos colaboradores.

Por isso, tenha a sensibilidade de captar o potencial e as características particulares de cada profissional. A partir daí, trabalhe para desenvolver as potencialidades de todos eles.

Não se esqueça, é claro, de mantê-los atualizados e estimulados na busca por novos conhecimentos.

Também tenha muita atenção às dificuldades que cada funcionário apresenta, evite generalizações e esteja empenhado em sanar dúvidas e estabelecer maneiras diferentes de otimizar a rotina do time.

Agindo assim, sua equipe estará tecnicamente preparada e emocionalmente motivada, criando um ambiente propício ao aumento natural das vendas!

Ofereça diversas formas de pagamento

A sua franquia aceita quais formas de pagamento? Essa é uma pergunta muito importante e cujo resposta pode custar muitos clientes a mais ou a menos.

As pessoas querem pagar pelas coisas que elas querem. Mas muitas delas estão cada vez mais experimentando novas formas de pagamento que facilitem as suas vidas.

As empresas, por sua vez, precisam estar antenadas com as novidades para conseguir reter mais clientes e conquistar novos. Alguns exemplos de formas de pagamento são:

  • Cartão de crédito e débito de diversas bandeiras;
  • Cartão de crédito e débito por aproximação;
  • Vale Alimentação e refeição;
  • Pagamento com dois cartões;
  • PIX;
  • QR Code.

Se a sua franquia aceitar todos esses métodos de pagamento, ela possui grandes chances de satisfazer a maior parte de todos os clientes.

Vale ressaltar que no caso de uma franquia de restaurante, pode ser também muito interessante investir em um sistema frente de caixa, com um PDV móvel.

Negocie com fornecedores

Para que se aumente as vendas, algo que também deve ser levado em conta é a administração financeira da organização, e isso inclui acordos com fornecedores.

Leve em consideração que se a empresa tem uma boa relação com os seus fornecedores, ela pode adquirir muito mais insumos e conseguir oferecer preços melhores.

Esses preços podem ser um ótimo diferencial para atrair mais clientes. Os novos clientes, por conseguinte, podem fazer um bom boca a boca que pode atrair ainda mais clientes.

Bons acordos com fornecedores também podem garantir que a franquia nunca sofra com desabastecimento de itens que os consumidores gostam ou estão pedindo mais.

Por isso, algo fundamental é ter mais de uma opção de fornecedor. Isso porque com mais de uma opção fica mais fácil negociar e obter um melhor preço.

Dê atenção às críticas dos clientes

Algo que também deve ser levado em consideração, é o feedback que os clientes podem ter dos serviços ou dos produtos oferecidos pela franquia.

A verdade é que, para que aumente as vendas da empresa, é importante satisfazer as exigências dos consumidores. Que podem inclusive estar relacionados ao ambiente.

Tudo que compõe uma empresa conta para experiência que o consumidor irá ter com ela. Desde a disposição dos itens das prateleiras, até o atendimento oferecido.

Inclusive, é fundamental oferecer um atendimento de qualidade e que faça o cliente se sentir à vontade e que seja capaz de resolver todas as suas questões e dúvidas.

Evidentemente que é impossível agradar a todos, mas muitas vezes as críticas feitas pelas pessoas podem ser muito bem embasadas, e o empresário deve ouvi-las.

Em último caso, se os consumidores estiverem reclamando de coisas que o franqueado não pode resolver sozinho, é importante entrar em contato com a franqueadora.

Entenda a realidade da sua marca

Não há como negar que todo tipo de negócio sempre tem algo novo a oferecer ao mercado.

Em outras palavras, isso significa que com estudo e uma análise profunda sobre o seu empreendimento, você conseguirá descobrir qual o diferencial da sua marca.

Com isso, será possível identificar quais são os pontos fortes da empresa e, consequentemente, aquilo que pode servir para impulsionar as vendas e alavancar os resultados.

Por outro lado, é a partir da mesma análise que os pontos fracos podem ser trazidos à tona!

Assim, conhecendo as limitações e as maiores dificuldades do negócio, fica mais fácil reverter tais condições.

Para que isso seja feito, monitore o desempenho das vendas, use indicadores para avaliar todas as operações e estude, minuciosamente, todos os relatórios e números da empresa.

De tal modo, o cenário real poderá ser verificado, as melhores oportunidades exploradas e os gargalos dissolvidos!

Fique de olho na concorrência

Por mais que uma franquia se trate de um negócio com um modelo já testado de sucesso, isso não significa que a concorrência não possa ser um problema. Muitas vezes é!

Nessas situações, alguns franqueados podem precisar fazer alterações pontuais para serem capazes de se adaptar e não ficarem para trás.

Porém, antes disso, é necessário observar com muita atenção a concorrência, a fim de identificar como anda o desempenho de empresas que têm uma proposta parecida com a sua.

Dessa forma, analise o quanto essas marcas cresceram e faça uma comparação, verificando se a sua franquia possui uma margem de crescimento proporcionalmente parecida.

Obviamente, como vimos anteriormente, cada empreendimento tem sua própria realidade, seus valores e objetivos. No entanto, é importante traçar parâmetros comparativos para analisar se você tem ganhado ou perdido espaço no mercado.

Por isso, pesquise sobre as tendências do segmento, descubra a origem de resultados ruins, converse com gestores da área e compartilhe experiências que facilitem identificar as “dores” do público-alvo.

Invista em tecnologia

Quando o assunto é empreender, a tecnologia não pode mais ser deixada de lado!

Isso porque, diferentes recursos são desenvolvidos todos os dias visando aprimorar informações, automatizar processos, melhorar a experiência do cliente e os ganhos das marcas.

Logo, investir em um software moderno e com layout intuitivo para monitorar seus indicadores, acompanhar as interações com investidores e fornecedores e melhorar o desempenho do negócio é uma estratégia vital!

Portanto, conheça o Sistema de Gestão para Franquias da RCKY e conte com a ferramenta ideal para otimizar operações, integrar dados e aumentar suas vendas de maneira organizada e duradoura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.