Por mais que a tecnologia avance e se utilize cada vez mais controle nas operações e transações comerciais, as tentativas de fraudes no varejo sempre existiram e ainda estão longe de acabar.

Grandes empresas sofrem diversos intentos de fraudar suas vendas e processos e obter vantagens ilícitas, alguns deles obtendo sucesso, o que gera um grande prejuízo anual.

Para ajudar você a proteger sua empresa das tentativas de fraude existentes hoje no varejo, criamos este pequeno guia. Em um primeiro momento vamos listar os principais tipos existentes e em seguida dar algumas dicas para evitá-los. Confira!

Quais as principais fraudes no varejo

A lista de fraudes ocorrentes dentro de uma empresa que atua no varejo é enorme, diversas pessoas mal intencionadas, de dentro do negócio ou de fora, tentam todos os dias tirar proveito das vulnerabilidades existentes.

As tentativas de fraudes são praticamente impossíveis de serem inibidas, pois os fraudadores sempre tentaram tirar vantagem de alguma situação, porém, ao conhecer as mais comuns fica mais simples buscar formas de evitar que elas ocorram.

Seja no varejo físico ou online, as vulnerabilidades devem ser reconhecidas e tratadas para que os prejuízos com fraudes sejam diminuídos e não acabem se tornando uma dor de cabeça maior.

Separamos uma lista com as formas mais comuns de fraude em lojas de varejo de vários ramos de atuação. Confira a seguir:

  • uso de cartão de crédito clonado;
  • falsificação de assinaturas;
  • embalagem fechada com produtos trocados em seu interior;
  • troca do registro de valor do produto;
  • cancelamento de compra após a saída do cliente e subtração do valor;
  • consumo de mercadorias dentro da loja ou do estoque;
  • fraude na área comercial ou no estoque;
  • furtos internos;
  • clonagem de cartão de clientes.

Essas são apenas algumas das principais fraudes realizadas em lojas de varejo, algumas delas prejudicando não apenas sua empresa, mas também o cliente, o que se torna um marketing negativo para a organização.

Quais as dicas para evitar as fraudes no varejo

Agora que você já conhece algumas das principais formas como as fraudes ocorrem no varejo, é preciso tomar algumas providências para coibi-las e evitar o prejuízo da empresa.

1. Investir em tecnologia

A tecnologia é a principal aliada do varejo no controle de tentativas de fraude. Ao criar um ambiente totalmente controlado por sistemas, qualquer alteração estará registrada e será facilmente rastreada.

Dessa forma, mesmo que uma fraude obtenha sucesso em prejudicar a empresa, ela poderá visualizar o que ocorreu, como ocorreu e quando ocorreu, responsabilizando os envolvidos e tomando as providências para evitar reincidências.

Existem várias soluções interessantes como Internet das Coisas, Inteligência Artificial, Blockchain, entre outras tecnologias que já estão despontando como aplicações confiáveis para manter sua empresa segura.

Além disso, já contamos com diversas soluções comuns que podem auxiliar na prevenção de fraudes no varejo. Temos os cofres inteligentes, que realizam contagens automáticas de notas, evitando desvios e monitoramento de imagens, por meio de câmeras, que gravam e inibem a ação de fraudadores apenas pela sua presença.

2. Manter um banco de dados atualizado

Um dos maiores problemas dentro do varejo são as falsificações e uso de cartões de crédito clonados, ou até mesmo a utilização de cartões oferecidos pela própria loja de forma indevida ou sem o conhecimento de seu titular.

Uma das formas de evitar esse tipo de fraude é com a aplicação de um banco de dados atualizado e completo com os dados de todos os seus clientes mantidos de forma segura e de rápido acesso.

Dessa forma, não apenas o cartão pode ser solicitado na hora da compra, mas uma série de outras informações que podem travar a compra em caso da desconfiança de uma fraude.

Sendo assim, para realizar tentar ludibriar o sistema, o fraudador deverá ter acesso a uma gama muito grande de informações, o que torna o processo muito mais difícil.

3. Criar soluções de cartão private label

Os cartões private label são modelos de cartão de crédito emitidos em parceria por empresas de varejo e instituições bancárias ou bandeiras, sendo que a loja é responsável por administrar os dados de clientes.

Além de ser uma maneira muito efetiva de fidelizar clientes, com o oferecimento de vantagens ao utilizar o cartão na loja, esse tipo de cartão auxilia na prevenção de fraudes.

Isso acontece pois, a loja pode ter acesso a todos os dados de cliente, tornando a ação de fraudadores muito mais difícil, assim como o uso indevido do cartão por terceiros, outra forma de fraude.

4. Implantar um sistema de gestão confiável

Uma boa estratégia de gerenciamento é uma das principais formas de combater os principais tipos de fraudes realizadas no varejo. Isso inclui gestão, controle de mercadorias, organização de estoque e diversos outros pontos.

Para obter um gerenciamento confiável, o ideal é apostar em um sistema de gestão completo e eficaz para ajudar você a visualizar de forma macro tudo o que acontece na loja, controlando de forma rígida todas as ações.

Ao investir em um bom sistema de gestão, você poderá verificar todas as falhas e gargalos de sua operação, além de encontrar as principais vulnerabilidades que possam ser utilizadas por fraudadores.

5. Fornecer treinamento antifraudes a seus colaboradores

Os colaboradores são os principais agentes dentro do varejo e eles são responsáveis pela maior parte das ações, sendo que sua falta de atenção, desmotivação ou desconhecimento pode ser utilizado por fraudadores para obter sucesso em seus intentos.

Sendo assim, preparar seus colaboradores para agir na coibição das tentativas de fraude é fundamental para evitar que os prejuízos por conta dessas ações acabe aumentando e saindo do controle.

Colaboradores bem treinados estão sempre atentos e prontos a evitar qualquer tipo de fraude que possa vir a prejudicar a empresa, sendo que o investimento em treinamento se justifica.

Qual a importância de se proteger

Pode ser que você não tenha se convencido, ao longo do texto, da importância de se precaver contra as tentativas de fraudes no varejo. Por conta disso, reunimos alguns dados muito interessantes sobre o assunto que vão chamar a sua atenção.

A tendência atual, que pode ser vista ao analisar esses dados, é o aumento das fraudes no varejo, assim como em todos os setores da economia, o que revela a importância de se preparar para evitar esse problema.

Chegamos ao fim deste post e queremos saber se você ficou com alguma dúvida. Comente aqui se você tem algum questionamento ou experiência com fraudes em sua empresa. Ficaremos felizes e discutir esse assunto com você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.