Crise ou não, os minimercados continuam se expandindo. Afinal, as pessoas precisam comer, e a procura por minimercados que estão espalhados pelos bairros das grandes e pequenas cidades só aumenta.

Foi o que mostrou uma pesquisa divulgada pelo Sebrae-SP. Essa apontou que o número de estabelecimentos intitulados mercadinhos de bairro teve elevação de 62% em quatro anos – de 2014 para 2018, passando de 13,9 mil para 22,6 mil.

Uma das explicações dos especialistas é que muitas famílias diminuíram o volume de compras e aumentaram o número de idas ao mercado, e a própria proximidade com o consumidor colaborou para essa expansão.

Mas quanto fatura um minimercado? Para um bom faturamento é importante que esteja bem localizado, em local com grande fluxo de moradores.

Atualmente, os minimercados estão crescendo cada vez mais, mesmo com pouca variedade de itens, os alimentos são de primeira necessidade. Saiba qual é o seu faturamento e como lucrar neste segmento.

Minimercado: o que precisa ter?

A organização é fundamental para quem possui um minimercado. Aliado a isso, a limpeza mostra que o local passa credibilidade e está preocupado com os clientes.

Mas se atente aos seguintes itens em relação a organização:

• As categorias mais comuns na organização são: vegetais, produtos secos e enlatados;

• Alimentos congelados precisam estar em espaço refrigerado. Atenção especial ao armazenar alimentos que degradam rapidamente;

• Trabalhe bem com os fornecedores. Como você precisa vender muitos itens, é necessário manter uma gestão eficiente (acompanhe critérios como preço, qualidade, prazo de validade …)

• Identifique alguns produtos-chave com boa receita e boa demanda, sem uma necessidade forte inicial trabalhar com uma variedade muito grande de itens no minimercado. Você pode fazer uma pesquisa na sua área para ver quais itens são necessários e os clientes mais consomem;

• Sempre esteja com estoque dos alimentos que possuem maior saída. E também não esqueça de verificar se todos os produtos estão com o preço devidamente informado.

Quanto fatura um minimercado?

Uma pesquisa realizada pela consultoria GFK Brasil com apoio do Sebrae divulgada em 2016 apontou qual pode ser o faturamento médio de um minimercado.

Ele pode faturar até R$ 594 mil por ano.

E quando há dois caixas, o faturamento aumenta praticamente quatro vezes: R$ 1,97 milhões anualmente. Mas sabemos que este é um valor bem variável, levando em consideração, a região, localização e preços que são obtidos através das vendas.

O faturamento de um minimercado também está relacionado ao bom relacionamento com os clientes no mercado.

Não é simples e fácil, requer esforços genuínos das empresas para construir um relacionamento duradouro com os clientes.

E até mesmo grande marcas do varejo estão apostando em minimercados. Um exemplo, é o Grupo Pão de Açúcar (GPA). Eles tem convertido o Minimercado Extra em estabelecimentos da marca Minuto Pão de Açúcar.

Maneiras de aumentar suas vendas em minimercado

Se você tem um minimercado totalmente novo ou já existe há anos, existem três maneiras principais de obter sucesso que se aplicam as duas situações: conquistar novos clientes, fazer com que essas pessoas voltem e aproveitar ao máximo o tempo que elas permanecem na loja.

Atingir todos esses três pontos pode ser mais fácil dizer do que fazer, mas com a abordagem correta, é absolutamente possível.

Como em qualquer objetivo, a maneira mais fácil de alcançá-lo é mapear seu caminho e dividir cada passo em partes acionáveis.

Use técnicas de marketing para atrair novos clientes. Claro, existem muitas táticas de marketing tradicionais às quais você pode recorrer.

Ter uma forte presença nas mídias sociais, no entanto, não custa nada além do seu tempo. Até mesmo se você deseja investir algum dinheiro em publicidade paga nas redes sociais, pode ser uma alternativa acessível à compra de anúncios em jornais.

Não se esqueça dos canais de venda, como grupos no WhatsApp, venda por telefone e até pelo próprio Facebook.

É também importante estar com um minimercado organizado para obter um bom faturamento.

A boa notícia é que muitos dos princípios básicos permanecem os mesmos em todos os tipos de estabelecimentos que comercializam itens de necessidades básicas como é a alimentação. Por isso, se você seguir a lista de verificação básica para atrair novos clientes enquanto pensa em maneiras de reter clientes e seguir essas etapas básicas com técnicas comerciais práticas e marketing, você estará no caminho do sucesso em pouco tempo.

Gestão organizada no minimercado

Outra maneira de aumentar o seu faturamento é utilizando um sistema de automação, como software para gerenciamento de receitas e despesas, contabilidade e estoque. Entre as vantagens de usar um sistema automatizado estão as seguintes:

• Controle de estoque automatizado;
• Atendimento rápido no caixa;
• Controle financeiro através de relatórios;

É importante trazer junto a equipe um bom sistema de gestão para que você possa otimizar suas operações e acessar todos os dados necessários para saber como aumentar as vendas do seu minimercado.

O uso da tecnologia não precisa ficar de lado, mesmo se tratando de um estabelecimento menor. Por exemplo, a etiquetação eletrônica permite um fluxo mais rápido em caixa, melhor controle dos estoques e maior agilidade no atendimento.

Uma parte importante da administração de qualquer negócio de sucesso é avaliar e reavaliar o modo como as coisas estão funcionando.

Os proprietários de minimercado estão constantemente pensando em maneiras de melhorar processos e aumentar a eficiência.

Quando se trata de encontrar maneiras de aumentar as vendas no minimercado, há muitos fatores a serem levados em consideração.

Como muitos consumidores buscam cada vez mais praticidade e agilidade nas compras a aposta em minimercados, fez com que esse seja um setor de expansão, e acreditar em um bom faturamento é mais que possível.

Se você deseja que seu minimercado se destaque dos demais, adote essas simples dicas e aumente as vendas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.